Aroma F

sábado, 7 de fevereiro de 2009

Falta de sexo!

Tenho mesmo a certeza que o meu grande problema é falta de sexo.
Sim, depois de se experimentar não se quer outra coisa. E isso poderia justificar as minhas atitudes (I think).
Claro que é muito, muito, muito bonito aquela ideia de 'fazer amor', com a pessoa ideal, se ela merecer, te respeitar e por assim adiante. Mas, nada nesta vida é certo, e todos têm um segredo obscuro, bem escondido, isso é um facto mais que comprovado!
A vontade que tenho é sair de casa e ir ter contigo, fazer sexo selvagem e bruto, onde bem calhar. Iria sentir-me realizada, e feliz, mesmo que no dia a seguir comprovasse que não houve significado nenhum.
E depois vêm-me dizer: 'não é a pessoa ideal, nem estão juntos à tempo suficiente'.
Sou da opinião que apenas nós sabemos quando é a altura certa, afinal, quem tem de ganhar a confiança na pessoa SOU EU! Mas, este de que falo, respeita-me e ama-me de uma maneira que só ele sabe, e que, acho, que só eu gosto. E sei que ele é bem capaz de me dar muito prazer. :)
É ideal porque é quem eu quero.
Mami não morras, também pensas assim, bem lá no fundo. Hehe.

22 comentários:

Catarina disse...

que texto :o (xD)

cada pessoa tem a sua opinião, as alturas acabam por vir.

Catarina disse...

que texto :o (xD)

cada pessoa tem a sua opinião, as alturas acabam por vir.

Marta Rosa disse...

Nem mais :)

Catarina disse...

acredita que na altura certa, as coisas acontecem sem tu esperares.

Catarina disse...

exacto, mas custa-me tanto :3

essas tuas palavras encantam *-*

beijinho :)

Catarina disse...

exacto, mas custa-me tanto :3

essas tuas palavras encantam *-*

beijinho :)

Marta Rosa disse...

grande frase.

Marta Rosa disse...

Consegues.

Catarina disse...

como assim ? :3

de nada, bejinho.

Inês disse...

claro, e concordo com o que dizes. se não dançarem ambos pelo mesmo, não adianta.

que texto, este!
é bem verdade: ninguém melhor do que nós próprios para sabermos quem é a pessoa ideal.

beijinho *

Inês disse...

e eu, gosto de saber que concordas comigo.

adoro a sinceridade com que expões os teus sentimentos neste post (:

*

Tiago disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Tiago disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Tiago disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Tiago disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Catarina disse...

pareces-me ser uma pessoa de confiança :P.
tipo, eu gosto dele á algum tempo, mesmo.. eu sinto que ele sabe e que sente o mesmo.
ele diz que sou importante, que sou uma das melhores amigas actuais dele e essas coisinhas $:, eu amo-o mesmo, mesmo. custa-me imenso vê-lo, cumprimentar e nada passar disso. mas, a culpa também é minha, ele pede pra eu me aproximar dele e essas coisas.. mas, eu acabo por lhe dizer 3 palavras e o resto, é olhares.. :3

Tiago disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Tecnenfermaginando disse...

enqto jovem o amor é ventania

na envelhecência ele é pura calmaria

é sem dúvida a melhor forma de ser feliz

deixe-se levar, querida, por seus instintos

permita-se

bjo gde.

Flavio Ferrari disse...

Qual é o problema de gostar de sexo ? Eu também gosto, faço muito e sinto falta quando, por alguma razão, passo alguns dias sem fazer.
Sexo é uma das coisas mais gostosas para se fazer a dois.
Intenso e divertido. Faz bem para o corpo e para a alma.
É tão gratificante ser a fonte do prazer...
Tão delicioso tocar, morder, lamber, cheirar, apertar, massagear, beijar, penetrar, e observar os sorrisos, os suspiros, a tensão e a distensão, o olhar, o desejo.
Sentir o encontro dos corpos se transformando, passo a passo, numa fusão de almas e uma confusão de emoções.
Eu sempre me pergunto como é que tem gente que não gosta.
Porque é que tem gente que complica tanto ?
Aproveite, menina.

Minhoca disse...

Esta não sou é outra qualquer a escrever por mim, o coração parou com o titulo e pronto, o resto do enfarte deu mesmo ao ler o resto do texto, por isso, acabaste de ficar orfã

Pedro Barata disse...

Eheheh Gostei do teu blog e bom post este...
Saudações

Natty disse...

Com certeza. Não tendo que ser necessáriamente sexo bruto e selvagem mas será que o amor é apenas quando também temos ciúmes, necessidades de controlo e confiamos no outro totalmente?
Penso que não, quando há Amor há, sendo que ele se pode manifestar de mil maneiras diferentes.
Beijo, benção
Natty

PS: Ainda bem que gostaste do vestido ;)