Aroma F

quinta-feira, 21 de maio de 2009

Beijo de água #

Eu acho, não, tenho mesmo a certeza. É possível amar sem ver.
Não sabia nada, talvez ainda não saiba muito, mas sei que os bons momentos que passámos juntos, ou mesmo os momentos que partilhámos um ao outro, ficarão para sempre na minha memória.
Esqueci-te não é o termo mais adequado, amo-te a cada segundo que passa. És o que queria e o que não queria, mas és tu, o mais parecido comigo possível. As mesmas paixões, o mesmo sentido de vida, o mesmo espírito.
Ficava horas a escrever sobre ti, mas não és tu que me fascinas, o que me fascina é tudo o que me fazes sentir. O sorriso nos meus lábios quando me lembro da tua voz (melhor dizer, a tua pronuncia), do brilhinho dos teus olhos quando falavas de dança (...) Não devia sentir isto, ainda, não é o melhor para mim. Mas só assim me sinto bem.
Nunca te vou esquecer. Foi amor à primeira vista, sem a menor dúvida. Espanto-me por ainda ter o mesmo impacto em mim, agora tenho uma maior consciência de tudo, mas não me impedirá de aguardar o momento em que voltarei a ver-te.
Amor à distância, uma grande lição, não sei qual, mas sinto que aprendi algo. Acho que foi a amar, a esperar, a ser positiva, algo de bom foi, isso eu sei.
A minha vida é diferente, eu sou diferente, aprendi a gostar.
A única lágrima que me cai é quando fecho os olhos, e sinto o teu beijo, um daqueles que me deste debaixo de água, passados todos estes meses.

É a saudade de uma forma não triste.

9 comentários:

Beatriz Cró disse...

ai o amor!

Margarida C' disse...

Gostei muito, um amor separado pela distância é sempre complicado.
Beijinhos

Inês disse...

eu já tentei mudar, mas não resultou.

que post tão bonito, este (:

*

P' disse...

É isto que sinto.

Pequenina disse...

*.*

Palavras lindas e sentidas !

beijinho e boa sorte para um próximo reencontro *

Inês disse...

Gostei tanto..

Ricardo Mendes disse...

Eu aprecio bastante, tem um geito imenso para a escrita, acredita.
Porque não dá? :x

Beijinhoo

Catarina disse...

este enorme vazio? não :\

P' disse...

É bom saber que sentem o mesmo que nós. Saber que somos compreendidos.